Gerar conteúdos é como apanhar uma oliveira. O negócio está na rede que se coloca por baixo para apanhar as azeitonas.
Se o Google criar a rede, o utilizador ficará com as migalhas; mas se o utilizador criar a rede, ganhará dinheiro, mesmo que poucas pessoas saibam onde está realmente a sua empresa.


Comentários

2 comentários para "”

  1. A sua reflexão é curiosa. Não sei se está a referir-se ao Google como um todo, ou ao blogger...

    Não me enganou... Cumprimentos.

  2. Estou a referir-me aos modelos de negócio baseados em conteúdos em geral. Se gerarmos conteúdos valiosos, temos de ter uma forma de os rentabilizar, caso contrário o valor desaparece por entre os dedos.

Deixar um comentário

O seu endereço de correio eletrónico não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Português