Um ano de vida BrainSINS

Faz hoje um ano que me envolvi no BrainSINS. Já estava envolvido, em maior ou menor grau, há três anos, mas há pouco mais de um ano aderi em pleno.
Foi um ano maravilhoso no trabalho, estive numa montanha-russa em que numa semana éramos uma merda e na semana seguinte éramos deuses.
Penso que este ano demos a volta à situação apostando em marcas emblemáticas, em projectos difíceis e centrando-nos no cliente. Devo dizer que estamos acima das expectativas, mas isso só significa que a montanha-russa é ainda mais violenta do que antes, porque as pessoas esperam muito de nós.
Pude trabalhar com uma equipa absolutamente brilhante, devo muito à Noelia, ao Andrés, ao Josué, ao Borja, à Estela, ao David ou ao Miguel Ángel; o meu agradecimento especial aos talentosos: Álex, Lu e também Corti. Mas gostaria especialmente de dedicar este post ao Frankie, que conheço há cinco anos mas que nunca deixa de me surpreender; é um super-homem das startups, o companheiro de viagem com que todos os empresários sonham trabalhar.
Só posso dizer que este ano será mais e será melhor. Vamos a isso.


Comentários

Deixar um comentário

O seu endereço de correio eletrónico não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Português