A minha primeira viagem de mota

A minha primeira viagem de mota foi Madrid - Riaza (Segóvia).
Uma véspera de feriado depois de sair do trabalho. Acabei mais tarde do que o habitual, por volta das oito horas. Tinha estado um frio invulgar naqueles dias para os primeiros dias de primavera, mas o tempo estava prestes a melhorar muito e eu fui apanhado por essa melhoria.
Tive vento, chuva, muito mais vento, obras na estrada e neve no desfiladeiro de Somosierra. Comecei a subida com tensão nas costas, terminei a subida com medo, depois os meus dedos começaram a adormecer e cheguei ao meu destino a tremer de frio.
Tive a Kawasaki ER 5 de 500cc durante pouco mais de um mês, andava para o trabalho, cerca de 30 km, ainda com muito medo.
Suponho que é mais uma questão de inconsciência o facto de que ele deveria ter dado meia volta em vez de se colocar à mercê das rajadas de vento sem ter qualquer experiência. O que também é verdade é que todos gostamos de aventuras, desde que acabem bem, como neste caso.


Comentários

Um comentário a "A minha primeira viagem de mota”

  1. Pois é!

Deixar um comentário

O seu endereço de correio eletrónico não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Português